Back to Top

Vascular

Causas de formigamento

Vascular.pro - qua, 10/10/2018 - 16:39

Combinação de sensações anormais: dormência, ferroada, formigamento
Causas:
 

  • Acidente vascular cerebral
  • Meralgia parestésica
  • Artrite
  • Diabete melito
  • Doença de Büerger
  • Doença de Raynaud
  • Doenças convulsivas
  • Enxaqueca
  • Episódio isquêmico transitório
  • Esclerose múltipla
  • Hérnia de disco
  • Herpes Zoster
  • Lesão na medula espinhal
  • Lúpus eritematoso sistêmico
  • Neuropatia periférica
  • Oclusão arterial aguda
  • Raiva
  • Síndrome de Guillain-Barré
  • Síndrome de hiperventilação
  • Tabes dorsalis
  • Trauma craniano
  • Traumatismo em nervo periférico
  • Tumor cerebral
  • Tumores da medula espinhal
  • Drogas
  • Radioterapia
Tags: parestesiasintomasformigamento Select ratingGive Causas de formigamento 1/5Give Causas de formigamento 2/5Give Causas de formigamento 3/5Give Causas de formigamento 4/5Give Causas de formigamento 5/5 No votes yet
Categorias: Vascular

Causas de Dor nas pernas

Vascular.pro - qua, 10/10/2018 - 16:31

Dor nas pernas pode significar muita coisa, desde lesão muscular, até doenças mais graves vasculares e neurológicas:
 

  • Dor nas pernas​
    • Arterial
    • Infecção
    • Neurológica
      • Ciática
      • claudicação Neurológica
      • neuropatia
      • Hérnia de disco
    • venoso
    • Linfático
      • Linfedema maligno
    • Outros órgãos e sistemas
      • Câncer ósseo
      • Lipedema
      • Fratura
      • Estiramento ou torção
      • Obesidade (sobrecarga)
      • Cãimbras
        • Alterações eletrolíticas
      • Fibromialgia
      • Lúpus
      • Fadiga crônica
      • Dor miofascial
    • Uso de medicamentos ou drogas
      • Estatinas
    • Por localização
      • Dor no tornozelo
        • Artrite
        • Contratura do tendão de Aquiles
        • Deslocamento
        • Fratura
        • Tenossinovite
        • Torção
      • Dor no quadril
        • Artrite
        • Bursite
        • Deslocamento
        • Fratura
        • Necrose avascular
        • Sépsis
        • Tumor
      • Dor no pé
        • Artrite
        • Calo ou calosidade
        • Dedo em martelo
        • Deslocamento
        • Doença de Köhler
        • Doença vascular oclusiva DAOP / Aterosclerose
        • Fasciite plantar
        • Fratura
        • Hálux rigido
        • Joanete
        • Neuroma de morton
        • Pé plano
        • Radiculopatia
        • Síndrome do túnel do tarso
        • Tabes dorsalis
        • Unha encravada
        • Verruga plantar
      • Dor no joelho
        • Artrite
        • Bursite
        • Cisto poplíteo
        • Condromalácia
        • Contusão
        • Deslocamento
        • Flebite
        • Fratura
        • Infecção
        • Lesão do menisco
        • Lesão do ligamento cruzado
        • Osteocondrite dissecante
        • radiculopatia
        • Ruptura do mecanismo extensor
        • Torção
      • Dor em coxa
        • Dor ardente em coxa, meralgia parestésica
Tags: dorsintomas Select ratingGive Causas de Dor nas pernas 1/5Give Causas de Dor nas pernas 2/5Give Causas de Dor nas pernas 3/5Give Causas de Dor nas pernas 4/5Give Causas de Dor nas pernas 5/5 No votes yet
Categorias: Vascular

Vasinhos e varizes

Vascular.pro - qui, 10/04/2018 - 16:17

O que são vazinhos?
 

  • São capilares da pele que se dilatam
  • Tem cor avermelhada ou arroxeada
  • Sua espessura é a de um fio de cabelo
  • Podem aparecer em diferentes locais do corpo, como rosto, colo, seio, abdômem, costas, pernas e pés.
  • Não causam danos à saúde e geralmente não há cor,
  • Veja mais sobre teleangiectasias e vasinhos aqui

 
O que são varizes?
 

  • São veias superficiais que ficam grossas e deformadas
  • Tem cor roxo-azulada ou esverdeada
  • Surgem ao longo das pernas e dos pés
  • As que mais causam problemas são as safenas (são duas em cada perna)
  • Podem causar dor, inchaço, feridas e trombose (coágulo sanguíneo)
  • veja mais sobre varizes aqui

 
Fatores de risco

  • Genética
  • Ficar muito tempo em pé ou sentado
  • Sobrepeso
  • Gravidez
  • Anticoncepcionais apenas no caso das varizes

 
 
 

Tags: vascularvasinhosvarizesvenoso Select ratingGive Vasinhos e varizes 1/5Give Vasinhos e varizes 2/5Give Vasinhos e varizes 3/5Give Vasinhos e varizes 4/5Give Vasinhos e varizes 5/5 No votes yet
Categorias: Vascular

Aorta e aneurisma

Vascular.pro - qua, 09/19/2018 - 11:41

A Aorta é a maior artéria do organismo e transporta o sangue do coração para o resto do corpo
 
O que é um Aneurisma?
Os aneurismas são definidos como uma dilatação localizada e permanente de uma artéria e resultam do enfraquecimento da parede dessa artéria.
O Aneurisma da Aorta Abdominal (AAA)
O Aneurisma da Aorta Abdominal é o mais frequente dos aneurismas arteriais, sendo uma das causas de morte súbita. Essa doença afeta mais de 700 mil pessoal, na Europa, e é a 12ª causa de morte.
Aneurismas da Aorta
É uma doença grave e silenciosa
A ruptura de um aneurisma é quase sempre fatal.
Menos de 50% dos casos de ruptura chegam vivos ao hospital.
Se tiver um dos seguintes fatores de risco, informe-se junto ao seu médico:

 

Tags: aneurismaarterialvascular Select ratingGive Aorta e aneurisma 1/5Give Aorta e aneurisma 2/5Give Aorta e aneurisma 3/5Give Aorta e aneurisma 4/5Give Aorta e aneurisma 5/5 Average: 5 (1 vote)
Categorias: Vascular

Cirurgia de Varizes com Laser

Vascular.pro - qui, 09/13/2018 - 07:52
Cirurgia de Varizes com Laser

 

Com o avanço tecnológico, os procedimentos cirúrgicos tendem a se tornar cada vez mais seguros e menos invasivos. A cirurgia minimamente invasiva, feita por incisões cada vez menores, diminui a agressão ao organismo. Cirurgias antes realizadas sob anestesia geral, em que os pacientes eram abertos para a retirada de órgãos doentes, foram substituidas por técnicas que permitem o tratamento com o paciente acordado, ou apenas sedado.
O Laser vascular foi desenvolvido para termocoagular as células endoteliais da veia, causando fechamento do vaso doente. A lesão térmica causa trombose controlada do vaso e posteriormente ocorre sua reabsorção. Outro mecanismo de ação é a contração do colágeno por coagulação proteica, que ocorre por volta de 50˚C.
A lesão térmica e a contração do colágeno atuam juntamente para a destruição e reabsorção da veia, retirando-a de circulação e eliminando o problema venoso decorrente da insuficiência valvular e varizes.

A cirurgia de varizes a laser pode não ser adequada a todos os casos. Portanto consulte seu cirurgião vascular para saber mais a respeito.

Vantagens da a cirurgia de varizes a Laser:

  • menor trauma operatório,
  • melhor evolução, 
  • excelente eficácia (96%) a curto prazo,
  • procedimento mais rápido,
  • menor incidência de complicações,
  • menor gravidade das complicações, 
  • retorno às atividades em até 2 ou 3 dias 


Recomenda-se para um resultado mais duradouro a utilização do laser em associação à fleboextração de pequenos vasos (microcirurgia dos vazinhos) e/ou o CLaCS (criolaser com crioglicose):

Veja no vídeo abaixo o método de funcionamento do laser, que tem a propriedade de ser absorvido apenas pelo tecido e pigmento adequado:

Tire todas suas dúvidas sobre varizes aqui:

Aqui estamos falando da cirurgia com laser para tratar varizes, ou seja, do laser emitido por dentro da veia. As técnicas de escleroterapia, principalmente CLaCs utiliza o laser por fora da pele para tratar vasinhos e algumas varizes menores.

 

 

* não é leiser heim pessoal, e muito menos lazer (lazer é diversão)

(function() { var _fbq = window._fbq || (window._fbq = []); if (!_fbq.loaded) { var fbds = document.createElement('script'); fbds.async = true; fbds.src = '//connect.facebook.net/en_US/fbds.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(fbds, s); _fbq.loaded = true; } _fbq.push(['addPixelId', '617007545111529']); })(); window._fbq = window._fbq || []; window._fbq.push(['track', 'PixelInitialized', {}]); vasinhosvarizesvenosolaservazinhos Select ratingGive Cirurgia de Varizes com Laser 1/5Give Cirurgia de Varizes com Laser 2/5Give Cirurgia de Varizes com Laser 3/5Give Cirurgia de Varizes com Laser 4/5Give Cirurgia de Varizes com Laser 5/5 Average: 5 (1 vote)
Categorias: Vascular

10 Perguntas sobre laser e varizes

Vascular.pro - qui, 09/13/2018 - 07:50

O reconhecimento do laser como melhor opção vem aumentando pelo mundo. A recente publicação das diretrizes europeias de 2015, e pela diretriz americana de 2012 reconhecendo o método como melhor opção trouxe mais força ao método. Deixou de ser um procedimento experimental para ser o procedimento de escolha (padrão ouro) no mundo todo.

 

 

Como é o procedimento de varizes a laser?

O laser é energia luminosa que se converte em térmica aplicada à veia para fechá-la. Existem duas maneiras de utilizá-lo: por dentro da veia ou por fora. A tecnica endovenosa (por dentro) serve para as veias maiores e insuficientes como as safenas, e a técnica transdérmica (por fora) serve para as varizes superficiais, como as teleangiectasias e reticulares, que sao os chamados vasinhos.

 

Qual a diferença em relação ao método tradicional?

Comparando com a cirurgia convencional (stripping), a técnica a laser não arranca a veia fora, e sim fecha e exclui ela da circulação. Dessa forma, sendo menos agressiva, a recuperação é bem mais comoda e rápida. 

Quando falamos do laser transdermico, devemos compará-lo à escleroterapia, ou "aplicação" dos vasinhos. Ele permite maior possibilidade de tratamento e menos sessões, principalmente quando associado a outras técnicas. Enquanto o laser endovenoso (cirurgia de varizes com laser) deve ser comparada à cirurgia tradicional de stripping (arrancamento das veias safenas)

 

O método é menos invasivo?

Sim, muito menos. Enquanto a cirurgia tradicional requer cortes e dissecção, o laser endovenoso é feito através de punção, ou seja um furinho apenas. Além disso, como não há o arrancamento da safena, não há grandes sangramentos e portanto menos hematomas e equimoses

 

Quando o tratamento de varizes a laser é indicado ao paciente?

As diretrizes internacionais já colocaram o laser venoso como indicação IA e a cirurgia tradicional como IIB, ou seja, o mundo já está percebendo os beneficios da técnica e não é nada experimental. Isso pode ser compreendido de várias maneiras e resumindo é: a cirurgia tradicional funciona, mas se há a possibilidade de oferecer o laser como tratamento, este deve ter a preferência.

 

Qual o tempo de recuperação da cirurgia de varizes a laser?

Em torno de uma semana. Muitos pacientes já estão se sentindo bem muito antes. Enquanto na cirurgia tradicional a recuperação ficava em torno de 15 a 30 dias. Além disso, com o laser, no dia seguinte atividades diárias já devem ser retomadas.

 

Também pode ser usado na cirurgia da safena da perna?

Sim, o laser endovenoso deve ser usado nas safenas, e pode ser usado em outras veias doentes também, como as perfurantes insuficientes e outras veias menos "famosas".

 

Com a cirurgia a laser é possível acabar de vez com as varizes?

Acabar de vez com as varizes é complicado. A doença, quando primária, tem um componente genético importante, então, por mais que todas as veias doentes sejam retiradas e tratadas, por carregar a genética para isso, outras veias podem ficar doentes no futuro. O que é possível, é eliminar todas, ou a maioria das veias doentes, tendo um benefício circulatório e consequentemente estético.

 

Como prevenir o aparecimento das varizes?

Como a genética não é possivel mudar, devemos atuar nos fatores predisponentes, como a obesidade, os hormônios e os fatores agravantes, como alterações posturais e a profissão. Ou seja, evitar a obesidade com dieta saudável e exercicio físico, que também melhora a musculatura da panturrilha. Evitar uso de hormônios, se possível. E, com relação à profissão, aqueles que ficam muito tempo de pé e parado, devem se movimentar mais, e, se indicado pelo vascular, usar meia elástica. 

 

A cirurgia pode ser feita por homens e mulheres?

Ambos sofrem de varizes, a diferença é que as mulheres procuram ajuda médica antes, porque se incomodam com a questão estética. Os homens muitas vezes chegam no consultorio em fases mais avançadas da doença. E, para ambos, a cirurgia pode ser o tratamento indicado.

 

É verdade que mulheres tem mais propensão a ter varizes? Por quê?

Como disse antes, tanto homens como mulheres sofrem de varizes, mas as mulheres procuram o tratamento mais cedo porque se incomodam com a estética das pernas. Por causa disso, a procura nos consultórios é maior pelas mulheres, mas isso não quer dizer que os homens não tem varizes, apenas que não estão procurando tratamento nas fases iniciais. As mulheres tem também a influencia dos hormonios e a piora por causa da gravidez, que aumentam as varizes.

 

Pode me mostrar fotos pré e pós de cirurgia de varizes?

A lei brasileira e o código de ética médico impedem a divulgação, mesmo que autorizada pelo paciente, de fotos de antes e depois de cirurgias. Em consulta médica o cirurgião vascular pode mostrar os resultados. Por isso marcar consulta é muito importante.

Tags: laservarizesvenosofaq Select ratingGive 10 Perguntas sobre laser e varizes 1/5Give 10 Perguntas sobre laser e varizes 2/5Give 10 Perguntas sobre laser e varizes 3/5Give 10 Perguntas sobre laser e varizes 4/5Give 10 Perguntas sobre laser e varizes 5/5 Average: 5 (1 vote)
Categorias: Vascular

Como prevenir a Aterosclerose?

Vascular.pro - qui, 08/02/2018 - 18:01

Atualmente, a aterosclerose é a principal causa de morte e incapacidade prematura tanto em países desenvolvidos como em países em desenvolvimento. Ainda, um estilo de vida sedentário, hábitos alimentares nocivos e o fenômeno do envelhecimento da população apontam para um maior aumento do número de doentes nos próximos anos.
Essa doença desenvolve-se nos vasos arteriais ao longo de muitos anos, resultando em alterações estruturais como enrijecimento, obstrução ou alargamento (chamados de aneurismas) levando ao adoecimento dos órgãos que recebem o sangue conduzido por esses vasos, sendo silenciosa por muito tempo até manifestar-se por um evento agudo como derrame, infarto do coração entre outros. Pode ainda manifestar-se cronicamente, por exemplo, reduzindo a capacidade de realizar atividades simples como caminhar médias distâncias e cuidar da casa (claudicação intermitente).  
Dada a evidente importância, foram realizados grandes estudos para descobrir quais os fatores de risco para o desenvolvimento da aterosclerose e os meios para preveni-la. Nesses estudos, descobriu-se que há aqueles fatores de risco modificáveis por meio do estilo de vida e dos remédios e outros, como idade e sexo, que não podem ser modificados.
Dentre os fatores de risco que podem ser modificáveis, encontramos os níveis elevados de colesterol, em especial o colesterol LDL (também conhecido como “mau colesterol” em contraste com o HDL ou o "bom colesterol"), o tabagismo, a hipertensão, o colesterol HDL baixo, a diabetes melito, o histórico familiar de doença prematura nas artérias coronárias, principalmente em parentes de primeiro grau, a obesidade, a inatividade física, ou sedentarismo, a dieta rica em alimentos gordurosos e o pouco consumo de frutas e verduras. Também devemos lembrar que uma vida estressante e sob “alta pressão” psicológica também elevam indiretamente esse risco.

Faça um check-up virtual para saber como anda sua saúde.

De forma prática, é fácil perceber que simplesmente adotando hábitos como 30 minutos diários de atividade física de moderada a intensa (recomendação dos principais órgãos de saúde), redução de gorduras na dieta (frituras e fast food), bem como abandono do tabagismo já implicam a redução desse risco. Entretanto, o grande desafio médico atual é fazer com que essas orientações cheguem a todos e, principalmente, que esses implementem as recomendações no cotidiano de suas vidas.
Segundo diretrizes atuais, é recomendado que todos acima de 20 anos realizem exames de sangue específicos e, para aqueles que apresentam alto risco para a doença aguda, é necessário também tratamento com  mudanças nos hábitos de vida e também no uso de certos remédios, buscando a estabilização da doença já presente. Para realizar essa avaliação e também o tratamento indicado, deve se buscar orientação médica competente e, principalmente, estar disposto a viver de forma mais saudável!
 
Leia também:

Anatomia: 

Sistema arterial

Causa: 

Deposição de gordura na parede arterial

Diagnóstico Diferencial: 

Embolia, vasoconstrição

Fatores de Risco: 

Tabagismo, diabetes, hipertensão arterial.

Evolução Natural: 

Evolução lenta e progressiva. Em alguns casos pode ser de evolução rápida.

Prevenção Primária: 

Não fumar. Controlar colesterol. Alimentação saudável. Controlar diabetes e hipertensão arterial.

Sinais ou Sintomas: 

dor, cansaço, alterações tróficas

Prognóstico: 

O prognóstico depende muito da localização da lesão.

Tratamentos Possíveis: 

Controle clinico: medicamentos e hábitos de vida saudável. Cirurgias: angioplastia, endarterectomia, pontes (bypasses)

Complicações Possíveis: 

Isquemia, trombose, gangrena, doença arterial obstrutiva.

Código: I70 Select ratingGive Como prevenir a Aterosclerose? 1/5Give Como prevenir a Aterosclerose? 2/5Give Como prevenir a Aterosclerose? 3/5Give Como prevenir a Aterosclerose? 4/5Give Como prevenir a Aterosclerose? 5/5 Average: 4.7 (3 votes) ateroscleroseprevençãoartériaarterial
Categorias: Vascular

Aneurisma de aorta

Vascular.pro - qui, 08/02/2018 - 17:45

Quais os sintomas associados aos aneurismas da Aorta Abdominal
A maior parte das pessoas não sente quaisquer sintomas que possam indicar a existência de um Aneurisma na Aorta Abdominal. Durante um exame físico de rotina, um médico poderá notar ou sentir algo a pulsar na parte central ou inferior do abdômen do doente. No entanto, a maioir parte dos aneurismas são identificados durante exames de diagnóstico imagiológico (como por exemplo, uma ecografia) realizados por outros motivos.
 
Quais os fatores de risco que podem contribuir para o aparecimento do AAA
Os Aneurismas da Aorta Abdominal afetam, principalmente, pessoas com mais de 65 anos de idade e são mais comuns no sexo masculino. Outros fatores de risco incluem o tabagismo, diabetes, arterosclerose, colesterol elevado, hipertensão e doença cardiovascular.
Finalmente um doente com histórico familiar de AAA apresenta um risco maior e deverá falar e deverá falar com o seu médico sobre este fato.
 
Quando deverá consutar um médico
Se tem um ou mais dos fatores identificados fale com o seu médico.

Tags: aneurismaartériaaortaarterial Select ratingGive Aneurisma de aorta 1/5Give Aneurisma de aorta 2/5Give Aneurisma de aorta 3/5Give Aneurisma de aorta 4/5Give Aneurisma de aorta 5/5 Average: 4 (1 vote)
Categorias: Vascular
Subscrever Curso OsiriX agregador - Vascular